Florbela Espanca - Poemas Recitados

Florbela Espanca (1894-1930) foi uma poetisa portuguesa que cantava em seus versos sobretudo as suas tristezas e sofrimentos íntimos. Ela cantou também o erotismo, apesar de ser tabu em seu tempo mulheres falarem sobre tal tema. Quebrou diversos paradigmas, sendo inclusive a primeira mulher a ingressar no curso de Direito da Universidade de Lisboa. A poetisa conviveu com diversas desventuras em sua vida, sendo talvez a maior o falecimento de seu irmão. Florbela cometeu suicídio em seu aniversário de 36 anos.

Abaixo alguns poemas de Florbela Espanca, recitados por mim.

Angústia:


Eu:



Pra quê!?:


Tortura:


Deixai entrar a Morte:



Silêncio!:



Mais poemas recitados em: youtube.com/c/RenanTempest

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Goethe - Os Sofrimentos do Jovem Werther (Resenha)

Lord Byron - Poemas Recitados